27 julho 2015

Gastonomia BH: Outback BH Shopping

Semana passada recebi um convite irrecusável do pessoal do Outback BH Shopping (obrigada Ana e Bruna!): conhecer os dois novos vinhos da rede. Em uma parceria com uma vinícula Argentina em Mendonza, eles criaram um rótulo de vinho tinto (Red Selection) e um rótulo de vinho branco (White Selection). Experimentamos os vinhos e também conhecemos alguns pestiscos, pratos e sobremesas do lugar.


O White Selection é um vinho branco, feito com a uva Torrontés, harmoniza bem com aves e peixes. Já o Red Selection é uma combinação das uvas Malbec, Cabernet Sauvignon e Petit Verdot e harmoniza bem com carnes e massas. Acho interessante as sugestões de harmonização, mas acho que no fim das contas isso vai do gosto de cada um, são apenas sugestões. O preço de cada garrafa é R$63 e a taça R$18,50, preço bem na média de muitos vinhos oferecidos pelos restaurantes hoje em dia.

Como entrada, pedimos o Spicy Shrimp Dip (camarões e queijos apimentados, servidos com tortilhas - R$39,00), Crispy Calamari (lulas empanadas e fritas com molho tartare - R$37,50) e o tradicional Ausie Bread (pão Australiano, esqueci de pegar o preço desse). Tudo bem gostoso, mas o camarão apimentado - pra quem gosta de pimenta - é sensacional.


Outra entradinha delícia são as famosas cebolas empanadas, que vem com um molho especial. Sabe aquele petisco bonito, de encher os olhos? Quando ele chegou na mesa todo mundo quis uma foto, haha.

Sobre os pratos principais, eu pedi uma Tilápia com molho de camarões e legumes (R$43,40), mas fotografei e experimentei, rs também o Salmão com molho de páprica e legumes (R$48,40) e o Filet Mignon acompanhado de arroz Tasmânia (R$52,50). Tudo bem gostoso!


Pra finalizar, as sobremesas. A mais gostosa é essa da foto, que se chama Cinnamon Oblivion e vem com sorvete de creme coberto de nozes crocantes, croutons de canela e maçãs flambadas na canela também, acompanhado de chantilly e calda de caramelo (R$24,90). Olha... posso dizer que essa sobremesa é seeensacional! Muito boa mesmo, vale cada centavo.

As outras duas últimas são feitas com sorvete de creme e calda de coco (da primeira foto - R$19,90); e com brownie de chocolate (da segunda foto R$24,90).


Opinião final: gostei demais desse Outback no BH Shopping. Atendimento legal, pratos gostosos e um preço bem ok. Não é baratinho, mas tem muitas opções boas a preços "normais" para restaurantes em Belo Horizonte e as porções são bem generosas. Não é uma comida sofisticada - e nem acho que é a intenção deles - portanto é bem legal para ir com a família, amigos, colegas de trabalho (tem opções mais em conta para happy hour no cardápio deles) e até mesmo com o namorado. É um lugar descontraído e tem opções para todos os gostos. Minha única crítica é que o lugar não aceita reservas, mas acho que nenhuma unidade aceita, né?

 Serviço: Outback BH Shopping.  BR-356, 3049 - Belvedere, Belo Horizonte. Telefone de contato:(31) 3286-6782 
Horário de funcionamento: Segunda a Quinta: 12h às 15h e 18h às 23h;
Sexta-feira: 12h às 15h e 18h à 00h;
Sábado: 12h à 00h;
Domingos e Feriados: 12h às 22h.
0 comentários Postado por Marcela Thiemi
23 julho 2015

Nhoque de Mandioquinha Fit

Nunca pensei que chegaria a postar uma receita de Nhoque de Mandioquinha Fit aqui no blog. hahaha Sim, tô tentando comer melhor nesses últimos meses e isso inclui também testar algumas receitas, já que eu gosto bastante de cozinhar e comer em casa. Essa receita originalmente tinha batata doce, mas acabei improvisando, porque no dia eu só tinha mandioquinha (ou batata baroa, cada lugar fala de um jeito) - e não é que deu certo? Pra mim pode ser fit apenas se for também gostoso! hahaha

A mandioquinha ou batata baroa é rica em fibras solúveis, insolúveis, vitamina A, C e complexo B. Mas o mais legal é que ela tem um índice glicêmico (IG) menor do que a da batata inglesa, ou seja, a liberação de açúcar ocorre mais lentamente, assim o organismo não tem um pico tão grande de liberação de açúcar no sangue, logo também não liberamos tanta insulina. Não é tão boa nutricionalmente falando como a batata doce, mas tem uma digestão fácil e IG menor do que o da batata inglesa. Pra melhor a receita, troquei a farinha de trigo branca por farinha de trigo integral + farinha de arroz, que não tem glúten. 


INGREDIENTES:

- 2 a 3 mandioquinhas (dá 800g a 1kg)
- 1 xícara de farinha de trigo integral
- 1 xícara de farinha de arroz
- 1 xícara de azeite
- Sal e pimenta do reino

MODO DE PREPARO: 

- Cozinhar 2 a 3 mandioquinhas (tamanho médio, dá mais ou menos 800g a 1kg) em água fervente, até que ela desgrude do garfo.

- Amassar a mandioquinha ainda quente, sem as cascas - você pode usar um amassador ou garfo. Coloque em uma vasilha as mandioquinhas amassadas e adicione aos poucos, sempre misturando bem: a farinha de arroz, a farinha integral, o azeite e os temperos. Eu usei pra temperar ervas finas e pimenta do reino (não usei sal, porque já teria sal no meu molho).

- Coloque a massa em uma superfície lisa com um pouco de azeite e abra. Se a sua massa estiver muito seca, pode colocar um pouco mais de azeite e se ela estiver muito mole, um pouco mais de farinha para tentar chegar no ponto.

- Divida a massa em cordões e corte cada pedaço com cerca de 2 dedos. Cozinhe em água fervente por cerca de 2 a 3 minutos - é bem rápido mesmo, não deixe passar do ponto porque senão elas "derretem". As massas sobem assim que estiverem prontas, mas não espere que todas subam - eu fui tirando de acordo com o tempo, de qualquer maneira.


- Eu fiz um molho de tomate com carne moída, bem clássico. Aí vai da sua preferência =)

0 comentários Postado por Marcela Thiemi
20 julho 2015

Penteado: Rabo lateral

Tinha um casamento pra ir nesse final de semana e já sabia que para combinar com o meu vestido queria ir com o cabelo na lateral. Pensando nas minhas opções que eram: cabelo solto lateral, rabo ou coque, escolhi o rabo por ser mais prático e fácil de fazer em casa - já que eu estava na correria e não teria muito tempo pra me arrumar nesse dia.


Então busquei algumas inspirações. Acho que facilita muito antes de um evento a gente procurar inspirações por aí! Cada um tem um lugar que gosta de procurar: revistas, sites, Instagram... eu gosto muito de buscar inspiração nos meus Blogs de beleza preferidos do Pinterest. 

E o resultado... a foto não ficou tão boa porque foi tirada quando cheguei em casa, já que antes do casamento foi tanta correria que nem deu tempo de tirar foto. Mas tem um passo-a-passo bem fácil pra fazer em casa:

1. Sequei o cabelo no secador (não sei fazer escova no meu cabelo sozinha, gente... alguém me ensina??)
2. Desfiei um pouco os fios no topo da cabeça, dos dois lados.
3. Prendi o rabo lateral com duas gominhas de silicone, pretas.
4. Usei babyliss grosso (33mm) no rabo lateral - pra dar volume e textura, não queria cachos. Esse frizz que está na foto é bem proposital, acho interessante não ficar tudo muito certinho nesse tipo de penteado.
5. Coloquei 2 grampos "invisíveis' na parte de trás do cabelo, pra ele não sair muito do lugar.
6. Finalizei com spray seco (não pode ser daqueles que deixa o cabelo duro igual pedra! rs).




0 comentários Postado por Marcela Thiemi
16 julho 2015

Gastronimia BH: Eddie Fine Burgers

O  Eddie Fine Burgers (ou só... Eddie!) faz parte da minha adolescência. Lembro de ir com a turma, já comemorei um aniversário lá.... tenho muitas lembranças boas desse lugar. A hamburgueria foi uma das primeiras a fazer sucesso em Belo Horizonte e é simplesmente um clássico! Com certeza quem mora aqui na cidade conhece, mas quem vem de fora pode talvez não conhecer - e tá aí uma ótima oportunidade de comer um junk food que vale a pena.


O lugar tem a decoração toda inspirada na cultura pop americana, e as opções no cardápio são hambúrgueres, milk shakes, brownies, saladas (who cares?) e refrigerantes/chás gelados no esquema de refil - aquele que você paga um valor e pode beber eternamente.

Sempre que vou peço o hambúguer mais tradicional da casa: o Eddie. Ele vem com hambúrguer tradicional e cebola caramelizada. Lembrando que todos os hambúrgueres vem com batata frita tradicional ou batata sorriso, que são uma delícia! Outra recomendação se a fome estiver menor são os mini-hambúrgueres, que vem com molhinhos diferentes como o picante e a mostarda e mel, são bem gostosos. Pra acompanhar, eu sempre vou de Milk Shake, mas nem todo mundo tem esse apetite todo, haha. Recomendadíssimo o Milk Shake de Nutella, guarde um espacinho na barriga porque tem que tomar.


Os preços dos hambúrgueres são cerca de R$25-35, juntamente com as batatas. Os milk shakes ficam por volta de R$18, se eu não me engano e os refis de refrigerante ou chá gelado por volta de R$12. É um preço legal para os parâmetros da cidade - nem barato e nem caro demais.

O Eddie tem quatro unidades em Belo Horizonte: um na Rua da Bahia, nº 2652 (o mais tradicional!) e os outros três nos shoppings Pátio Savassi, BH Shopping e DiamondMall. Vale a visita =)
0 comentários Postado por Marcela Thiemi